Carregando...

Sociedade Brasileira de Angiologia e Cirurgia Vascular - Minas Gerais

Doenças Vasculares

17 de julho de 2017

Imprensa aborda trombose

O programa Fástástico do último domingo, 16 de julho, abordou os casos de trombose e o medo das mulheres em relação a pílula anticoncepcional. O presidente da SBACV Nacional, Ivanesio Merlo foi um dos entrevistados. Os especialistas orientam as mulheres a não se alarmarem e procurarem o angiologista para esclarecimentos corretos. Assista Entre os diversos métodos anticoncepcionais…

Veja Mais
25 de janeiro de 2017

Vasculites

O termo vasculite significa, literalmente, inflamação do vaso (vasculum em latim significa vaso sangüíneo ou linfático, e ite, inflamação). O termo é genérico, mas é utilizado para denominar um grupo de entidades anatomoclínicas caracterizadas por inflamação ou necrose da parede do vaso sangüíneo com manifestações clínicas variadas. As vasculites podem ser causadas por vários fatores…

Veja Mais
25 de janeiro de 2017

Varizes

Varizes As varizes são veias superficiais anormais, dilatadas, tortuosas e alongadas, caracterizando uma alteração funcional da circulação venosa do organismo, com maior incidência no sexo feminino. As principais queixas clínicas dos pacientes são: dor tipo “queimação” ou “cansaço”, sensação das pernas estarem pesadas ou ardendo, edema (inchaço) das pernas, principalmente ao redor do tornozelo, que,…

Veja Mais
25 de janeiro de 2017

Trombose Venosa Profunda

A Trombose Venosa Profunda (TVP), conhecida como flebite ou tromboflebite profunda, é a doença causada pela coagulação do sangue no interior das veias – vasos sangüíneos que levam o sangue de volta ao coração. As veias mais comumente acometidas são as dos membros inferiores (cerca de 90% dos casos). Os sintomas mais comuns são a…

Veja Mais
25 de janeiro de 2017

Trauma Vascular

O trauma vascular é a destruição dos vasos sangüíneos que nutrem importantes áreas do organismo. Esta perda de integridade pode apresentar-se como sangramento ou interrupção abrupta do suprimento de sangue para um órgão ou membro, podendo levar à morte do mesmo. A isquemia (falta de sangue) dos órgãos ou membros tem um tempo variável de…

Veja Mais
25 de janeiro de 2017

Pé Diabético

Em pacientes diabéticos o nível elevado de açúcar no sangue pode afetar os nervos e a circulação sanguínea das pernas. Todas as lesões ou complicações advindas destas alterações podem ser denominadas como “Pé Diabético”. A lesão da circulação pode causar úlceras ou gangrena dos pés ou pernas. A lesão dos nervos pode causar formigamentos, agulhadas,…

Veja Mais
25 de janeiro de 2017

Erisipelas e Infedemas

As erisipelas e linfangites devem ser tratadas de forma intensiva para se evitar linfedema (elefantíase). Apesar de terem quadros clínicos semelhantes, as erisipelas e as linfangites são doenças diferentes, que podem ter em comum o mesmo agente agressor e a mesma forma de contágio. A erisipela é um processo infeccioso do derma (camada da pele),…

Veja Mais
25 de janeiro de 2017

Doença Cerebrovascular extracraniana

A insuficiência vascular cerebral é a terceira causa de óbito da população e a segunda causa de óbito entre as doenças cardiovasculares. As artérias carótidas, juntamente com as artérias vertebrais, localizadas no pescoço, fornecem o fluxo sangüíneo para o cérebro. A obstrução dessas artérias causará o acidente vascular cerebral, cujo quadro clínico dependerá da localização…

Veja Mais
25 de janeiro de 2017

Cirurgia Endovascular

É uma subespecialidade ou área de atuação da cirurgia vascular em que realizamos o tratamento das doenças circulatórias, utilizando cateteres e guias, manipulados à distância e monitorados por telas de raio X (monitores). O ambiente usado para este tratamento tanto pode ser a sala de hemodinâmica como o centro cirúrgico. O procedimento é feito mais…

Veja Mais
25 de janeiro de 2017

Aterosclerose

A aterosclerose é a principal causa de morte no mundo ocidental. É caracterizada pelo depósito de gordura, cálcio e outros elementos na parede das artérias, reduzindo seu calibre e trazendo um déficit sangüíneo aos tecidos irrigados por elas. Seu desenvolvimento é lento e progressivo, e é necessário haver uma obstrução arterial significativa, de cerca de 75%…

Veja Mais
25 de janeiro de 2017

Aneurismas

Aneurismas Denomina-se aneurisma a dilatação anormal de um segmento de uma determinada artéria.   De forma simplificada, pode-se dizer que a origem desta dilatação é o enfraquecimento da parede arterial, congênito, como no caso de alguns aneurismas intracranianos, ou secundário a certas doenças, sem dúvida a mais freqüente, a aterosclerose, patologia de elevada incidência na…

Veja Mais